Autor Moderniza

porModerniza

Tutorial – SQL Server Erro 8909 [NO LOCK]

Esse erro pode ser apresentado em qualquer operação do sistema e é devido a problema de transações do SQL.

Exemplo, aviso na tela de operações do PDV:

 

Para verificar se o banco de dados do Administrativo ou do PDV está com esse erro é necessário executar o seguinte script (trocar o nome do banco se necessário):

DBCC CHECKDB (‘Lojamix’) WITH NO_INFOMSGS,ALL_ERRORMSGS

Resultando a seguinte imagem onde apresenta o erro 8909

 

Confirmando que o banco está com o erro, feche o sistema em todas as máquinas que estiverem abertas e execute o script a seguir para realizar a correção:

ALTER DATABASE LOJAMIX SET SINGLE_USER WITH ROLLBACK IMMEDIATE

Begin Transaction
DBCC CHECKDB (‘Lojamix’, REPAIR)

Se ocorrer tudo certo deve ser apresentada uma mensagem que o erro foi reparado

 

E para finalizar execute o último script:

Commit

ALTER DATABASE LOJAMIX SET MULTI_USER

 

Agora é possível abrir o sistema novamente e seguir com as operações normalmente.

porModerniza

Recebimento

O Recebimento é responsável pela entrada e conferência de volumes e peças, através das notas fiscais de entrada.

Existem duas formas de realizar um recebimento, sendo elas, romaneio de carga e seleção de notas.

Importante lembrar que as notas presentes no Moderniza Logística só aparecem após a importação no sistema principal (ERP).

Algumas considerações quanto a integração com os principais ERP’s integrados.

DealerNet: 

O processo de importação das notas fiscais no DealerNet é feito automaticamente por arquivo de cada montadora. Nesse caso não necessita de nenhuma ação do usuário para a integração das notas fiscais.

NBS:

O processo de entrada das notas fiscais deve ser feito pelo menu “Interface de compra > Monitor de notas eletrônicas” dentro das opções de notas fiscais de entrada do NBS.

  • Processo por Romaneio de carga (Volumes).

O processo de romaneio de carga  serve basicamente para comparar se os volumes que estão chegando de uma determinada carga, está de acordo com suas notas fiscais.

Antes de iniciar o cadastro de um romaneio de carga é necessário importar o arquivo de volume disponibilizado pela montadora.

Para importar os arquivos de volumes acesse o menu lateral “Consultas” na opção “Volumes” e execute a ação “Ler arquivos”.

 

Uma observação importante nesse caso, é que cada montadora tem um layout específico de arquivos. Algumas nem possuem, então fica indisponível a utilização dessa função.

O cadastro pode ser visualizada na opção ‘Romaneios de carga’ localizado dentro menu Recebimento na barra lateral.

 

 

 

 

 

 

Dentre as opções de ‘Situação’ temos o ‘Conferido’ o qual não não permite ações, ‘Em conferência’ que habilita ‘Conferir’ em verde, e ‘Aberto’ que adiciona a ação ‘Editar’, em azul.

Para cadastrar é necessário ir no botão ‘+ Cadastrar’ que segue para a próxima tela

 

 

 

 

 

O sistema gera um código sequencial automático, e deverá ser preenchido com a chave da nota e número de lote recebido em seus devidos campos, feito isso é necessário salvar e depois ‘Voltar’ ou ‘Conferir’. Caso opte por voltar você será direcionado para a tela ‘Romaneios de carga’ para posteriormente ir na ação ‘Conferir’ que sucederá a próxima imagem caso opte por ir direto na opção de conferência.

 

Nessa parte é necessário informar código de cada volume, pois se trata de um processo de conferência. A ação disponíveis é ‘Inconformidade’, em laranja, permitindo informar a inconformidade do volume, essas inconformidades são pré-cadastradas. Demais opções são ‘Notas fiscais’ para visualizar a chave das notas daquela conferência, ‘Enc. Conf.’ possibilitando concluir o processo e por fim ‘Sair’ para tornar o romaneio ‘Em conferência’.

Feita a conferência do romaneio o sistema criará automaticamente um documento em ‘Recebimentos’ localizado no menu lateral ‘Recebimento’.

 

 

 

 

 

Nessa tela temos as situações ‘Concluído’ e ‘Cancelado’ permitindo ver os itens, notas e inconformidades, e ‘Aberto’ possibilitando também cancelar e iniciar o processo de recebimento.

Ao iniciar o processo no lápis, azul, teremos a seguinte tela.

 

 

 

 

 

Para começar é necessário informar o lote que está realizando o recebimento seguido por todos os itens que nele contém, se necessário é possível excluir, em vermelho, relatar inconformidade, em laranja, e imprimir a etiqueta, em azul. Após adicionar as informações é possível concluir o lote e passar para o próximo, caso não tenha outros é necessário encerrar o recebimento no botão em verde.

Assim encerra-se o recebimento completo por romaneio e a próxima etapa é Alocação.

Clique AQUI para ir a próxima etapa.

 

  • Processo por Seleção de Notas

Essa opção não conta com verificação extra de volumes e passamos direto para a seleção de notas que estamos recebendo e recebimento direto dos produtos que nela contem.

A conferência pode ser visualizada na opção ‘Seleção de notas’ localizado dentro menu Recebimento na barra lateral.

 

 

 

 

 

Nesta tela será exibida todas chaves das notas que foram importadas para o sistema, com isso basta selecionar as que estão sendo recebidas e clicar no botão ‘Confirmar’, em verde. Com isso feito seguiremos para a próxima tela.

 

 

 

 

Para começar é necessário informar o lote, nesse momento já estamos na etapa da conferência de cada peça, devem ser informados todos os itens que  contém no recebimento, se necessário é possível excluir, em vermelho, relatar inconformidade, em laranja, e imprimir a etiqueta, em azul. Após adicionar as informações é possível concluir o lote e passar para o próximo, caso não tenha outros é necessário encerrar o recebimento no botão em verde.

Caso haja alguma divergência das peças lidas com as peças das notas fiscais selecionada, o sistema irá exibir uma lista dessas inconformidades.

Se por ventura o processo não for finalizado ele ficará em aberto na opção de ‘Recebimentos’ no menu lateral ‘Recebimento’ conforme a seguinte imagem.

 

Nessa tela temos as situações ‘Concluído’ e ‘Cancelado’ permitindo ver os itens, notas e inconformidades, e ‘Aberto’ possibilitando também cancelar e retornar ao processo de recebimento iniciado anteriormente.

 

Assim encerra-se o recebimento completo por romaneio e a próxima etapa é Alocação.

Clique AQUI para ir a próxima etapa.

porModerniza

SPED

Para geração do SPED pelo sistema é preciso realizar algumas configurações para deixá-lo em conformidade.

Primeiramente é necessário configurar o Perfil do SPED, para isso vá até Configs -> Empresas -> Filiais. Na tela de configuração da filial, no campo Perfil SPED, selecionar entre Perfil A, Perfil B ou Perfil C. O Perfil C é específico para empresas contribuintes do Simples Nacional e é o ÚNICO que não precisa de licenças adicionais. Para os outros deve ser adquirido uma licença para utilizar no sistema.
ATENÇÃO: Verificar com a contabilidade em qual perfil a empresa se encaixa.

Perfil do SPED

Após isso vá para as configurações fiscais da filial e preencher TODOS os campos na aba SPED.

Configurações Fiscais SPED

Se for utilizado importação de XML ou gerar o Bloco H, é necessário configurar uma conta contábil. Para isso vá no menu Financeiro -> Plano de Contas, incluir uma conta e preencher também a aba SPED. Essas informações são disponibilizadas pela contabilidade da empresa.

Por fim, no menu Fiscal -> Gerar SPED, abrirá a tela para gerar o SPED. É necessário selecionar a filial, o ano, o mês, escolher o local do arquivo onde será salvo o arquivo do SPED e selecionar qual SPED será gerado. Se optar por gerar o Bloco H é necessário informar também a conta contábil.
Após confirmar será gerado o arquivo na pasta selecionada.

porModerniza

Erro de Logon

 Erro de Logon para o usuário

 

Ao tentar inserir suas informações no sistema para fazer login e for exibida a seguinte mensagem ou semelhante.

Mensagem de Erro

 

Para o gerenciamento de Logons e senhas é necessário ter o SQL Studio Management instalado, se o erro for no modulo administrativo de um terminal, é necessário instalar o SQL Studio somente no servidor, que pode ser baixado neste link.

 

Possíveis causas:

 

1 – Usuário não esta marcado como DB_Owner do banco que está sendo utilizado pelo sistema.

Nesse caso, siga os passos presentes neste manual.

 

2 – Problema de autenticação.

Ao acessar o Sql Studio, serão solicitadas as credenciais de conexão com as instância, a instância padrão do banco do sistema é “MODERNIZA”, e a autenticação pode ser feita pelo Windows, uma vez conectado a instância, navegue até o menu esquerdo, onde há vários diretórios de pastas.

 

Siga até Segurança, em seguida em Logons, e procure pelo nome do Logon mostrado no erro, no nosso exemplo é o Logon “Lojamix”, como na imagem abaixo.

SQL Studio

Dando um duplo clique sobre o nome será exibido uma janela com algumas informações sobre aquele Logon.

Primeiro, confirme o nome e a senha do Logon, usamos como padrão as seguintes credenciais.

Nome do Logon: Lojamix

Senha: l0j4m1x

E demarque o checkbox “impor politica de senha” para evitar que sua senha expire e o problema volte a acontecer. Feito isso, refaça o passo 1 para aplicar o Logon recém corrigido para os bancos do sistema.

 

3 – Modo de autenticação configurado de modo incorreto.

 

O modo de autenticação para a instância deve ser misto, ou seja, pode ser autenticado pelo Windows e pelo próprio SQL através dos Logons.

Para isso, navegue até o menu esquerdo, e clique com o botão direito sobre o nome da instância, e em seguida em propriedades.

 

Na janela que abrir, no menu esquerdo, selecione Segurança, e em seguida marque o modo de autenticação como Windows e SQL.

Propriedades da Instância

 

 

porModerniza

A maturidade digital no varejo não é uma questão de mídias sociais.

A Maturidade digital no varejo não é uma questão de Mídias sociais. Isso é só parte do jogo.

Alguns varejistas influenciados por algumas agências de marketing digital que, na verdade, na prática, são agências de comunicação digital, partem sempre do princípio que as redes sociais podem salvar seus negócios, isso a curto prazo e de algumas formas pontuais até pode ser verdade, embora as estatísticas podem enganar, números bonitos não garantem um ano de crescimento em margem e lucratividade, o sucesso em 1 evento não garante o próximo.

Pensando nisso é importante que se busque entender esse crescimento de forma ordenada e estratégica, ações pontuais podem até gerar uma ilusão de sucesso, mas logo aparecem as falhas. Sua empresa não vai crescer de verdade pensando só em redes sociais (mesmo dentro delas existem níveis de maturidade, mas isso é outro assunto).

Entender em que nível se está e conectar tecnologias e pessoas que possam entregar mais de forma sistêmica, estratégica e sustentável é fundamental para que se possa alcançar os objetivos.

Muito se fala em influencer, instagram, facebook, live, IGTV, Storeis, etc…

Todos estão fazendo, então de certa forma é obrigatório, mas nota-se que muito esforço está se colocando nessas redes sem estratégia mais global. Os nativos digitais fazem isso de forma natural, entendem esse cenário (contrate um), mas por trás disso precisa ter um processo definido de crescimento, propósito e rentabilidade.

Tenha cuidado com promessas de resultados fáceis e rápidos. Temos o costume de olhar para os raros casos de sucesso e esquecer que a grande maioria não consegue resultado. Se fosse uma fórmula ela funcionaria sempre e para todo mundo, como visto nas ciências exatas, mas infelizmente ou não, marketing é uma ciência não exata, porque está inserida em um mundo complexo com variáveis incontroláveis e um cliente do outro lado completamente emocional e irracional.

porModerniza

Por que a pesquisa é fundamental para o crescimento do varejo?

ARTIGO

Por que a pesquisa é fundamental para o crescimento do varejo?

Eduardo Pezzi*

As estratégias de marketing partem do conhecimento profundo do consumidor. Assim, todas as estratégias devem, de alguma forma, ser orientadas pelo comportamento e necessidades dos clientes. Quanto mais o varejista entende o cliente, mais ele consegue montar seu mix de produtos e definir estratégias de promoção e comunicação, dentre outras ações. Esse entendimento passa pelo contato direto com o cliente, mas principalmente pela coleta e organização dessas informações em um sistema que possa dar insights sobre o comportamento de compra e tendências, servindo de apoio na decisão.

É muito mais sábio ser proativo em direção ao cliente do que esperar uma reação do mercado. Métodos como CRM, Social Cracking (metodologia que transforma rastros comportamentais nas redes sociais em dados e análises), pesquisa de opinião, focus group, observação participante, small data e netnografia colaboram para trazer dados e informações que apoiem as estratégias além de dezenas de ferramentas que podem ser utilizadas para este fim.

Mas para que ter todas essas informações? O que fazer com elas?

Primeiramente, os dados coletados podem ajudar a prever compras futuras, entender produtos relacionados, desenvolver estratégias de upsell, crossell, ofertar produtos certos na hora certa, evitar ofertas de massa, como, por exemplo, 50% off para toda a loja. Conhecendo o cliente é possível dar descontos e ofertas personalizadas, atendendo melhor sem prejudicar a margem do varejista. Outra vantagem além da financeira é que ela ajuda a aumentar na fidelidade, pois é sabido que reter um cliente é mais barato que conquistar.

A pesquisa de mercado pode ser feitas de forma metódica e profissional, colaborando de forma efetiva com as estratégias do varejo, que é dinâmico, mutante, sazonal, emocional e com uma concorrência ferrenha não só local, mas como global através do digital.

A dica final é que preciso iniciar um projeto de pesquisa o mais rápido possível, definir as informações que devem ser coletadas, os objetivos e montar estratégias baseadas em dados, evitando seguir para onde o vento sopra.

Procure gente capacitada em pesquisa, com métodos científicos e que tenham bagagem para entender consumidor, pois muitas variáveis estão em questão: pior que não ter dados sobre o mercado é ter dados irreais.

*Presidente da Amarks, consultor, mestre em Marketing e professor de Pós-Graduação da ESPM

http://www.sindilojascaxias.com.br/revistas/03-2019/mobile/index.html

porModerniza

Comercial – Dividir Pedido de Vendas

O sistema permite criar pedidos de vendas para serem faturados posteriormente,mais informações sobre Pedidos de vendas aqui.

O sistema disponibiliza uma forma de dividir um pedido, dentro do Menu Pedidos de vendas, pela opção Outros > Dividir pedido.

O sistema irá mostrar uma tela com a listagem dos produtos do pedido de venda selecionado, permitindo selecionar produtos, será criado um novo pedido de venda, com as mesmas informações do pedido original (Dados gerais do pedido, Dados do cliente) e com os itens que foram selecionados.

Listagem de itens do pedido

 

OBS: Lembrando que pedidos com frete e/ou pagamentos não podem ser divididos

Novo pedido gerado a partir da divisão

 

porModerniza

Relatório de Vale Crédito

O sistema permite gerar um relatório com a listagem de todos os vales créditos gerados pelo sistema através do menu Relatório > Entidades > Vale Crédito, possibilitando filtra-los pelo cliente e agrupa-los pelo nome do cliente, código do vale crédito ou data de emissão.

Caso seja escolhido o relatório Analítico, o mesmo trás todas as 3 informações.

Exemplo de Relatório Sintético com agrupamento pelo cliente.

O mesmo relatório com os mesmos filtros pode ser gerado de forma mais detalhada, ao escolher a opção analítico, onde trás todas as informações referentes ao vale crédito, como data da emissão, situação e o código.

 

porModerniza

Parâmetros do sistema

O Administrativo conta com uma janela onde algumas configurações do sistema, como atalhos podem ser definidas de acordo com a preferência do usuário, que pode ser acessado pelo menu Configs > Parâmetros do Sistema.

Tela de parâmetros do Sistema

Tela de parâmetros do Sistema

Na lista é possível visualizar o grupo a qual o parâmetro pertence, um campo com a descrição e exemplos, a chave e o valor associado, que pode ser alterado. Exemplo disso é o parâmetro do sistema que define a tecla para aplicar filtros, que por padrão vem pré-definido Control + F, mas no exemplo foi definida para a tecla Enter.

porModerniza

Instalação e configuração do LocalDB – SQL Server

Se você não tem o SQL Server (Versão 2012 ou mais recente), a instalação do pacote SqlLocalDB.msi pode ser adicionada no momento da instalação, se já possuir pode fazer o download independente através deste link.

OBSERVAÇÃO: a opção de LocalDB pode ser utilizada apenas para instalação do PDV em terminal, o servidor deve sempre utilizar a versão padrão do SQL Server.

Baixe a versão de acordo com as necessidades do seu sistema operacional, no exemplo abaixo foi usado a versão x64.

Siga o passo a passo da instalação, que consiste aceitar os termos de uso e finalizar a instalação.

 

Após a instalação, pode-se conferir as instancias do LocalDB através do cmd com o comando:

sqllocaldb info

Para criar uma nova instância basta digitar o comando:

sqllocaldb create “Nome_da_sua_instancia”  (sem aspas)

E usar o comando

sqllocaldb info “Nome_da_Instancia” (Sem aspas)

Para obter detalhes sobre uma instancia:

Certifique-se de que a instância que foi criada, também foi iniciada.

Iniciar uma instância do SQLServer localdb.

Para iniciar uma instância pode-se usar o comando sqllocaldb start “nome_da_instância” (sem aspas), e aguarde a mensagem de confirmação.

 

Após isso, você já pode conectar-se a essa instancia pelo SQL Management Studio.

 

A conexão pode ser feita pelo nome do pipe da instância e é de extrema importância que seja feita pelo endereço pipe e não com o endereço da maquina.

Para descobrir o pipe da instância pode-se usar o comando citado anteriormente sqllocaldb info “Nome_da_Instancia” (Sem aspas).

e com essa informação, efetuar as configurações de conexão no SQLStudio e no PDV.

 

 

Para restaurar um banco na instancia basta seguir esses passos:

 

Para configurar a base recém criada com o sistema:

 

E para a configuração de usuário como db_Owner :