Autor Moderniza

porModerniza

Configurações de Email

Para configurar as informações para envio de um e-mail a partir do sistema, deve-se acessar a aba Configuração> Parâmetros Gerais do Sistema> E-mail.  Nesta aba é possível incluir um e-mail diferente para vários tipos de conta (Logística, Fiscal e etc) conforme a necessidade do usuário, sendo que ao enviar um e-mail de algum destes tipos, caso não haja endereço de e-mail cadastrado o mesmo será enviado com o remetente do e-mail Geral.

Para cadastrar uma nova conta de e-mail basta clicar em Incluir e preencher as informações solicitadas.

Cadastro de conta de e-mail

Caso necessite alterar ou fazer qualquer modificação em uma conta já cadastrada basta clicar no ícone ao lado do Tipo da conta.

Caso deseje excluir alguma conta já cadastrada basta clicar no ícone de ‘x’ em vermelho, a esquerda, referente a conta desejada.

Configuração para diferentes tipos de E-mail:

 

Gmail – Para configuração deste provedor de e-mail, existe uma particularidade, nas configurações de conta deve-se ativar a opção “Permitir aplicativos menos seguros”, como segue na imagem.

Após a conclusão do passo acima podemos partir para os preenchimentos da aba “cadastros de conta de E-mail” dentro do sistema:

Host do servidor de e-mail: smtp.gmail.com

Porta: 587

Autenticação segura (SSL): Ativado

 

Hotmail/Outlook – Neste provedor de e-mails não é necessária nenhuma modificação nas configurações do mesmo, vamos direto ao preenchimento:

Host do servidor de e-mail: smtp.live.com

Porta: 25 ou 465

Autenticação segura (SSL): Ativado

 

Yahoo – O provedor de e-mails do Yahoo também possui uma peculiaridade, nas configurações de segurança da conta deverá ser adicionado na opção ” Gerenciar senhas de app” uma senha específica para o sistema, abrindo essa opção, selecione “outro app” após escolha um nome ilustrativo, e clique em gerar e sua senha irá aparecer na tela, tome cuidado pois após fechar a janela não será mais possível acessar a senha, então a salve em um lugar seguro. Após podemos partir para o preenchimento da tela no sistema:

Host do servidor de e-mail: smtp.mail.yahoo.com

Porta: 587

Autenticação segura (SSL): Ativado

 

BOL – O provedor de e-mails do BOL também possui sua peculiaridade, ele necessita de uma assinatura paga para poder ser utilizado no sistema, indo em configurações -> “IMAP/POP3”, aparecerá, caso seja assinante, a opção “Ativar IMAP”, após ele estar ativado podemos partir para o preenchimento da tela no sistema:

Host do servidor de e-mail: smtps.bol.com.br

Porta: 587

Autenticação segura (SSL): Ativado

porModerniza

Quem é o Grupo Moderniza?

 

 

 

 

 

 

 

 

porModerniza

Criação de etiquetas

Para dar início a criação de uma etiqueta, primeiro devemos localizar o software correspondente a ela para essa função, o BarTender. Cada impressora tem um BarTender próprio que deve ser baixado via internet, no site do fabricante.

Alguma observações antes de começarmos:

  • O software do BarTender deve estar instalado na mesma máquina que a impressora;
  • Os drivers da impressora precisam estar instalados nessa máquina;

Instalando BarTender

Para fazer a instalação do BarTender, execute o instalador baixado e siga os passos abaixo (dependendo a versão do software podem haver alguma pequena alteração nos passos):

1- Selecione a linguagem do software e clique em OK.

Instalador BarTender

2- Apenas clique em avançar

Instalador BarTender

3- Marque a check box e clique em avançar

Instalador BarTender

4- Marque as opções nessa tela e escolha uma pasta para instalação do software

Instalador BarTender

5- Clique em instalar e aguarde a instalação ser finalizada

Instalador BarTender

Assim que terminar de instalar o BarTender, abra ele e será recepcionado pela seguinte tela:

Tela inicial

Aqui você terá 3 opções:

  • Começar um novo documento: Inicia um novo documento em branco;
  • Abrir um documento BarTender existente: Permite que você procure e abra um documento de etiqueta salvo em sua máquina;
  • Abrir um documento BarTender usado recentemente: Abaixo dessa opção haverá uma lista, nessa estão contidos os documento de etiquetas editados mais recentemente, para selecionar um, basta dar dois cliques sobre ele.

Para darmos segmento a criação de uma nova etiqueta, selecione a opção “Começar um novo documento”.

Na tela seguinte você terá duas opções para dar início ao documento:

Selecionando Ponto de Partida

  • Modelo em branco: inicia um documento sem padrão definido para ser editado;
  • Documento BarTender existente: essa opção lhe permite puxar os dados de dimensões (etiquetas, folha…) de um documento de etiqueta salvo anteriormente

Para darmos segmento a criação de uma nova etiqueta, selecione a opção “Modelo em branco” e clique em avançar.

Na tela seguinte você terá duas opções para poder selecionar o tipo de papel que será usado:

Seleção de papel

  • Especificar definições personalizadas: Marque essa opção caso queira especificar manualmente as dimensões do papel que estará sendo usado para a impressão das etiquetas
  • Usar um papel predefinido: Marcando essa opção você poderá escolher um modelo de etiqueta a partir de uma lista predefinida. Ao marcar a opção, outros dois campos abaixo estarão disponíveis, “Categoria” e “Nome do papel”, usando esses dois campos você pode tentar localizar o modelo da sua etiqueta.

Caso tenha localizado a sua etiqueta na opção “Usar papel predefinido” e clicar em avançar será direcionado ao menu de seleção de fundo do modelo (mais a frente no manual).

Caso precise selecionar a opção “Especificar definições personalizadas”, clique em avançar e siga os passos abaixo.

Personalizando modelo do papel e etiqueta

Itens por página

Nessa tela você terá duas opções:

  • Itens individuais por página: Apenas selecione essa opção caso a sua etiqueta possua apenas um item por página.
  • Várias colunas e/ou linhas de itens por página: Aqui você pode editar quantos itens (etiquetas) estão presentes na sua etiqueta, as linhas definem quantas linhas de etiquetas serão impressas por vez (caso não possua dados suficientes, as etiquetas restantes serão impressas em branco), já as colunas definem quantas colunas de etiquetas o seu papel possui. As quantidade de linhas e colunas pode ser ajustada conforme preferência (seguindo os padrões do papel escolhido), porém para o máximo aproveitamento do papel, recomendamos deixar 1 linha e colocar o número correto de colunas, veja alguns exemplos de etiquetas abaixo:

Papel de etiqueta de 1 coluna

Papel de etiqueta de 3 colunas

Após preencher os dados, pode clicar em avançar;

Na tela seguinte você deve especificar se há material não utilizado nas bordas da etiqueta:

Margens laterais

Caso tenha algum, marque a opção “Sim, há algum material não utilizado nos lados” e preencha os campos editáveis abaixo (“Esq” e “Direita”), caso não haja apenas marque a opção “Não, não tem”. Clique em avançar.

Nessa tela seguinte você poderá editar o formato da página.

Formato da página

No primeiro campos, você pode selecionar uma página predefinida na lista ou definir uma dimensão manualmente nos campos “Largura” e “Altura” abaixo. Também é possível definir a posição em que será feito a impressão da etiqueta (horizontal ou vertical). Após finalizar clique em avançar.

Na tela seguinte, você pode selecionar um formato para a etiqueta:

Formato da etiqueta

Após selecionar clique em avançar.

Na tela seguinte, você pode deve especificar as dimensões da etiqueta:

Dimensões da etiqueta

No campo “Tamanho do modelo”, você pode editar o tamanho da etiqueta (individual para cada etiqueta na página);

O “Intervalo/densidade” serve para editar a distância lateral entre as etiquetas.

Após finalizar as configurações, clique em avançar.

Na tela seguinte, você pode deve especificar a ordem de impressão nos itens da página:

Ordem de impressão

Após finalizar as configurações, clique em avançar.

Na tela seguinte, você pode poderá definir um fundo diferente para as etiquetas (por padrão ele é branco).

Fundo de modelo

Caso selecione alguma das opções, ao clicar em avançar será levado a uma tela correspondente (uma por vez, caso tenha sido marcado múltiplos).

Cor de Fundo

Imagem de fundo

Fundo de modelo

Após finalizar as configurações, clique em avançar.

Na tela seguinte, confira se os dados estão corretos e clique em “Terminar”.

Finalizando configuração

Personalizando a etiqueta

Após terminar a personalização do modelo de etiqueta, você será levado a tela de configuração dos dados da etiqueta.

Edição de etiqueta

Para adicionar algum texto na etiqueta selecione a opção “Objeto de texto” -> “Linha única”

Edição de etiqueta

Para adicionar um código de barras selecione a opção “Código de barras” -> “Code 39 (Regular)”

Edição de etiqueta

OBS: Os campos de texto pode estar identificados como achar melhor, eles serão alterados mais adiante. Porém, nem todas as fontes são suportadas, podendo variar para cada impressora. Normalmente as fontes “Intermec” são recomendadas.

OBS: Independente do que for colocado no nome dos campos, apenas os campos especificados na tela abaixo podem ser impressos na etiqueta (mais a frente no manual será explicado como):

Cadastro de Configurações de Etiquetas Térmicas

Cadastro de Configurações de Etiquetas Térmicas

Após finalizar o modelo de etiqueta, clique em imprimir:

Edição de etiqueta

Nessa tela marque a opção “Imprimir para arquivo” e no campo “Cópias” coloque a quantidade de etiquetas que serão impressas por vez (Exemplo: se selecionou 1 linha e 2 colunas, coloca o valor 2 nesse campo).

Geração do código fonte

Em seguida clique em imprimir e será solicitado um local para salvar o arquivo. Pode clicar em “Procurar…” caso queira alterar o local padrão.

Com isso foi gerado o arquivo com o código fonte dessa etiqueta.

Configurando a etiqueta no sistema

OBS: as impressoras que já tiveram impressão confirmada no sistema são:

  • Argox OS 214 Plus (PPLA ou PPLB)
  • Zebra GC420t e TLP2844 (EPL)
  • Elgin L42 (emulando PPLA/PPLB ou EPL)
  • Elgin L42  PRO(emulando PPLA)
  • Datamax-O’neil I-Class 4208 (PPLA)

Para iniciar a configuração da etiqueta no sistema vá no menu Configurações -> Configuração de etiquetas.  Nesta tela, no primeiro campo são carregadas as configurações de etiqueta, e como padrão já virá selecionado “Nova Etiqueta”, para cadastro de uma nova configuração. Para editar alguma configuração existente basta selecioná-la no drop.

Nessa tela você irá ver os seguintes campos:

  • Tipo de etiqueta: produto para impressão de dados de produtos, e informação nutricional para imprimir as informações nutricionais
  • Descrição: o nome da configuração de etiquetas, que será exibido para a seleção na hora de imprimir etiquetas
  • Principal: configuração principal, que já virá pré-selecionada na hora de imprimir etiquetas
  • Para PDV: marque esta opção para a etiqueta que deve ser impressa no PDV caso o mesmo esteja configurado para isto.
  • Largura (cm): apenas informativo da largura da etiqueta
  • Altura (cm): apenas informativo da altura da etiqueta
  • Nº Colunas: quantidade de colunas do rolo de etiquetas (quantidade de etiquetas por linha)
  • Variáveis: são as variáveis disponíveis para aparecer na etiqueta. As que estiverem marcadas aparecerão na mesma, desde que também estejam presentes no código-fonte. O campo de texto a direita de cada variável indica o título de cada variável a ser impresso na etiqueta
  • Observações: observações e lembretes importantes relativos a configuração de etiqueta
  • Código-fonte: inserir o código-fonte a ser lido pela impressora dependendo da linguagem da mesma.

Antes de seguir é necessário adaptar o código fonte para o sistema. Primeiro, abra o arquivo do código fonte com o bloco de notas e então será necessário alterar o nome dos campos variáveis no código fonte pela nomenclatura mostrada na tela (destacadas na imagem abaixo).

Configuração de etiqueta

Observações importantes antes de começar a alterar o código:

  • Em geral, todas as características dos códigos fontes devem ser mantidas, como caracteres especiais e etc. Ao editar o código fonte, cuide para que não se altere a estrutura do mesmo, apenas as variáveis;
  • Antes de começar a utilização de etiquetas pelo sistema, é muito importante realizar o processo de “calibração” ou “restauração de parâmetros” da impressora (caso haja a opção), para que a impressora esteja corretamente configurada de acordo com os padrões de fábrica;
  • Para códigos fonte EPL (impressoras Zebra), é imprescindível deixar uma linha em branco no início, antes de qualquer variável e uma linha em branco no final (após a última variável). O não atendimento em relação a estrutura do código fonte fará com que a impressora simplesmente não imprima, sem dar nenhum tipo de aviso adicional, ou imprima de forma incorreta.

Por exemplo, o campo de texto com “Nome do produto” (o nome será o mesmo que colocou no texto enquanto editava a etiqueta) precisa ser substituído por <NomeProduto1>. Os campos colocados na etiqueta serão repetidos no código fonte para cada cópia que foi colocado, com isso, para diferenciar cada etiqueta deve-se alterar o nome seguindo o padrão numérico após o nome. Por exemplo: <NomeProduto2>,<NomeProduto3>.

Segue abaixo o exemplo de um código antes e depois da adaptação para o sistema:

Original (antes):

<xpml><page quantity='0' pitch='52.4 mm'></xpml>I8,A
ZN
q864
O
JF
ZT
Q419,25
d8,0
<xpml></page></xpml><xpml><page quantity='1' pitch='52.4 mm'></xpml>N
B680,357,3,E30,3,6,118,N,"123456789"
A583,369,3,4,1,1,N,"EMPRESA ABC"
A611,369,3,4,1,1,N,"Nome do Produto"
A644,369,3,4,1,1,N,"Referência"
B380,357,3,E30,3,6,118,N,"123456789"
A283,369,3,4,1,1,N,"EMPRESA ABC"
A311,369,3,4,1,1,N,"Nome do Produto"
A344,369,3,4,1,1,N,"Referência"
B080,357,3,E30,3,6,118,N,"123456789"
A0,369,3,4,1,1,N,"EMPRESA ABC"
A20,369,3,4,1,1,N,"Nome do Produto"
A44,369,3,4,1,1,N,"Referência"
P1

Adaptado (depois):

<xpml><page quantity='0' pitch='52.4 mm'></xpml>I8,A
ZN
q864
O
JF
ZT
Q419,25
d8,0
<xpml></page></xpml><xpml><page quantity='1' pitch='52.4 mm'></xpml>N
B680,357,3,E30,3,6,118,N,"<CodigoBarras1>"
A583,369,3,4,1,1,N,"EMPRESA ABC"
A611,369,3,4,1,1,N,"<NomeProduto1>"
A644,369,3,4,1,1,N,"<Referencia1>"
B380,357,3,E30,3,6,118,N,"<CodigoBarras2>"
A283,369,3,4,1,1,N,"EMPRESA ABC"
A311,369,3,4,1,1,N,"<NomeProduto2>"
A344,369,3,4,1,1,N,"<Referencia2>"
B080,357,3,E30,3,6,118,N,"<CodigoBarras3>"
A0,369,3,4,1,1,N,"EMPRESA ABC"
A20,369,3,4,1,1,N,"<NomeProduto3>"
A44,369,3,4,1,1,N,"<Referencia3>"
P1

Após altera o código fonte, copie ele e cole no campo “Código-Fonte”. Após isso, marque as check box da coluna “Informações para exibir na etiqueta” dos dados que irão aparecer na etiqueta.

Cadastro de Configurações de Etiquetas Térmicas

Caso queira que algum texto apareça antes dos dados na etiqueta (Por exemplo: R$:), você pode colocar esse texto na caixa de texto ao lado da check box correspondente.

Também é possível colocar na etiqueta dados nutricionais do produto caso necessário. Para liberar esses campos, vá em “Tipo de Etiqueta” e selecione Informações Nutricionais. Ao fazer isso, será disponibilizado uma nova aba ao lado de Produtos.

Cadastro das Configurações de Etiquetas Térmicas

As regras aplicadas a aba anterior para configuração do código fonte se aplicam a essa também.

Impressão das etiquetas (Administrativo)

Após fazer as configurações das etiquetas, para imprimi-las você deve fazer o seguinte processo:

No administrativo, vá ao menu Logística -> Impressão de etiquetas térmicas

Logística -> Impressão de Etiquetas Térmicas

É bastante simples de usar, basta adicionar os critérios de filtro desejados, alterar a quantidade de etiquetas em cada coluna caso desejado (padrão 1) e clicar em “Aplicar Filtros (Ctrl+F)”. Irá carregar na tela uma lista de todas as variações de produtos cadastradas para os critérios de filtro informados, como no exemplo da tela abaixo.

Impressão de Etiquetas Térmicas

O sistema já carrega como padrão 1 etiqueta para cada item da lista. No entanto, caso seja necessário alterar a quantidade de algum item, basta ir no campo “Quantidade” do item e digitar a quantidade desejada. Se quiser alterar a quantidade para todos os itens da lista, basta ir no campo de filtro “Quantidade geral por item”, digitar a quantidade desejada e clicar “Enter” ou ”Tab”, que essa nova quantidade será carregada para todos os itens da lista. IMPORTANTE: itens com quantidade 0 (zero) não serão impressos.

No drop down “Etiqueta” na seção de filtros já é carregado como padrão a configuração de etiqueta padrão, que é a que será usada para a impressão. Caso deseje utilizar outra configuração de etiqueta deve-se selecionar a desejada neste campo.

Além disso existe a possibilidade de incluir itens manualmente, através do botão “Incluir Itens (F2)” ou limpar a lista para uma nova consulta.

Após selecionar os itens, as quantidades desejadas e qual a configuração de etiqueta a ser utilizada, basta clicar em “Imprimir (F1)”, selecionar a impressora e confirmar.

OBSERVAÇÃO: Este procedimento é exatamente igual em todas as telas por onde se possa acessar a tela de Impressão de etiquetas. A única diferença é que, acessando por outras telas (como a tela de documentos fiscais, por exemplo) os filtros são apenas para os itens pré-selecionados, e o “Limpar lista” não estará disponível.

Impressão das etiquetas (PDV)

Para fazer a impressão das etiquetas no PDV é simples. Primeiro precisa selecionar uma etiqueta para ser padrão na impressão pelo PDV. Para isso, basta marcar a check box “Para PDV” na tela do configuração de etiquetas e em “Tipo de Etiqueta” selecione “Informações Nutricionais”

Cadastro de Configurações de Etiquetas Térmicas

Após isso, deve-se acessar o PDV (lembre de sincronizar o sistema) e faça o processo de venda normal, ao finalizar a venda, será impresso as etiquetas dos produtos selecionados na venda.

 

porModerniza

O Windows não pôde procurar novas atualizações

Ao pesquisar atualizações pelo windows update e receber uma mensagem de erro “O Windows não pôde procurar novas atualizações”, é necessário instalar duas atualizações do windows de forma manual.

 

Erro “O Windows não pode procurar novas atualizações”

 

Segue abaixo os links para as atualizações:

 

32 bits – Atualizações 32 bits

64 bits – Atualizações 64 bits

 

Após extrair os arquivos, é recomendável instalar a menor atualização primeiro.

Ao final da instalação das atualizações, será necessário reiniciar o computador. Após isso, já deve ser possível procurar atualizações pelo windows update.

porModerniza

Tutorial – SQL Server Erro 8909 [NO LOCK]

Esse erro pode ser apresentado em qualquer operação do sistema e é devido a problema de transações do SQL.

Exemplo, aviso na tela de operações do PDV:

 

Para verificar se o banco de dados do Administrativo ou do PDV está com esse erro é necessário executar o seguinte script (trocar o nome do banco se necessário):

DBCC CHECKDB (‘Lojamix’) WITH NO_INFOMSGS,ALL_ERRORMSGS

Resultando a seguinte imagem onde apresenta o erro 8909

 

Confirmando que o banco está com o erro, feche o sistema em todas as máquinas que estiverem abertas e execute o script a seguir para realizar a correção:

ALTER DATABASE LOJAMIX SET SINGLE_USER WITH ROLLBACK IMMEDIATE

Begin Transaction
DBCC CHECKDB (‘Lojamix’, REPAIR)

Se ocorrer tudo certo deve ser apresentada uma mensagem que o erro foi reparado

 

E para finalizar execute o último script:

Commit

ALTER DATABASE LOJAMIX SET MULTI_USER

 

Agora é possível abrir o sistema novamente e seguir com as operações normalmente.

porModerniza

Criação de uma Reserva de Estoque

-Antes de tudo, precisamos criar uma um local para servir reserva de estoque. Para isso, você pode acessar o menu configurações -> Empresas -> Filiais -> Local de Estoque.

 

Cadastro de local de estoque

 

Locais de estoque

 

– Após isso, no menu de filais vá em configurações->Logística. Selecione o novo estoque criado na opção “Local Reserva de estoque para loja virtual”.
OBS: Você pode criar um local para reserva de estoque para pedidos de venda e para ordem de serviço. Após sua criação basta vir nesse menu selecionar a reserva na opção correspondente.

 

Configuração logística da filial

 

-Se entrar no menu produtos -> Saldo est. (F7) poderá ver o saldo do produto em estoque, o saldo no estoque reserva e por fim o saldo disponível para venda (saldo que será visualizado pelo cliente)

 

Saldo de estoque

porModerniza

Recebimento

O Recebimento é responsável pela entrada e conferência de volumes e peças, através das notas fiscais de entrada.

Existem duas formas de realizar um recebimento, sendo elas, romaneio de carga e seleção de notas.

Importante lembrar que as notas presentes no Moderniza Logística só aparecem após a importação no sistema principal (ERP).

Algumas considerações quanto a integração com os principais ERP’s integrados.

DealerNet: 

O processo de importação das notas fiscais no DealerNet é feito automaticamente por arquivo de cada montadora. Nesse caso não necessita de nenhuma ação do usuário para a integração das notas fiscais.

NBS:

O processo de entrada das notas fiscais deve ser feito pelo menu “Interface de compra > Monitor de notas eletrônicas” dentro das opções de notas fiscais de entrada do NBS.

  • Processo por Romaneio de carga (Volumes).

O processo de romaneio de carga  serve basicamente para comparar se os volumes que estão chegando de uma determinada carga, está de acordo com suas notas fiscais.

Antes de iniciar o cadastro de um romaneio de carga é necessário importar o arquivo de volume disponibilizado pela montadora.

Para importar os arquivos de volumes acesse o menu lateral “Consultas” na opção “Volumes” e execute a ação “Ler arquivos”.

 

Uma observação importante nesse caso, é que cada montadora tem um layout específico de arquivos. Algumas nem possuem, então fica indisponível a utilização dessa função.

O cadastro pode ser visualizada na opção ‘Romaneios de carga’ localizado dentro menu Recebimento na barra lateral.

 

 

 

 

 

 

Dentre as opções de ‘Situação’ temos o ‘Conferido’ o qual não não permite ações, ‘Em conferência’ que habilita ‘Conferir’ em verde, e ‘Aberto’ que adiciona a ação ‘Editar’, em azul.

Para cadastrar é necessário ir no botão ‘+ Cadastrar’ que segue para a próxima tela

 

 

 

 

 

O sistema gera um código sequencial automático, e deverá ser preenchido com a chave da nota e número de lote recebido em seus devidos campos, feito isso é necessário salvar e depois ‘Voltar’ ou ‘Conferir’. Caso opte por voltar você será direcionado para a tela ‘Romaneios de carga’ para posteriormente ir na ação ‘Conferir’ que sucederá a próxima imagem caso opte por ir direto na opção de conferência.

 

Nessa parte é necessário informar código de cada volume, pois se trata de um processo de conferência. A ação disponíveis é ‘Inconformidade’, em laranja, permitindo informar a inconformidade do volume, essas inconformidades são pré-cadastradas. Demais opções são ‘Notas fiscais’ para visualizar a chave das notas daquela conferência, ‘Enc. Conf.’ possibilitando concluir o processo e por fim ‘Sair’ para tornar o romaneio ‘Em conferência’.

Feita a conferência do romaneio o sistema criará automaticamente um documento em ‘Recebimentos’ localizado no menu lateral ‘Recebimento’.

 

 

 

 

 

Nessa tela temos as situações ‘Concluído’ e ‘Cancelado’ permitindo ver os itens, notas e inconformidades, e ‘Aberto’ possibilitando também cancelar e iniciar o processo de recebimento.

Ao iniciar o processo no lápis, azul, teremos a seguinte tela.

 

 

 

 

 

Para começar é necessário informar o lote que está realizando o recebimento seguido por todos os itens que nele contém, se necessário é possível excluir, em vermelho, relatar inconformidade, em laranja, e imprimir a etiqueta, em azul. Após adicionar as informações é possível concluir o lote e passar para o próximo, caso não tenha outros é necessário encerrar o recebimento no botão em verde.

Assim encerra-se o recebimento completo por romaneio e a próxima etapa é Alocação.

Clique AQUI para ir a próxima etapa.

 

  • Processo por Seleção de Notas

Essa opção não conta com verificação extra de volumes e passamos direto para a seleção de notas que estamos recebendo e recebimento direto dos produtos que nela contem.

A conferência pode ser visualizada na opção ‘Seleção de notas’ localizado dentro menu Recebimento na barra lateral.

 

 

 

 

 

Nesta tela será exibida todas chaves das notas que foram importadas para o sistema, com isso basta selecionar as que estão sendo recebidas e clicar no botão ‘Confirmar’, em verde. Com isso feito seguiremos para a próxima tela.

 

 

 

 

Para começar é necessário informar o lote, nesse momento já estamos na etapa da conferência de cada peça, devem ser informados todos os itens que  contém no recebimento, se necessário é possível excluir, em vermelho, relatar inconformidade, em laranja, e imprimir a etiqueta, em azul. Após adicionar as informações é possível concluir o lote e passar para o próximo, caso não tenha outros é necessário encerrar o recebimento no botão em verde.

Caso haja alguma divergência das peças lidas com as peças das notas fiscais selecionada, o sistema irá exibir uma lista dessas inconformidades.

Se por ventura o processo não for finalizado ele ficará em aberto na opção de ‘Recebimentos’ no menu lateral ‘Recebimento’ conforme a seguinte imagem.

 

Nessa tela temos as situações ‘Concluído’ e ‘Cancelado’ permitindo ver os itens, notas e inconformidades, e ‘Aberto’ possibilitando também cancelar e retornar ao processo de recebimento iniciado anteriormente.

 

Assim encerra-se o recebimento completo por romaneio e a próxima etapa é Alocação.

Clique AQUI para ir a próxima etapa.

porModerniza

Manual de instalação MultiSat

Instalação do MultiSat

Após realizar as configurações de ISS(caso não tenha, pode encontrar o manual aqui:Configuração ISS), siga os passos abaixo:

  • Baixar o seguinte arquivo: MultiSat
  • Extraia os arquivos para uma pasta (pode nomeá-la como desejar, porém o recomendável é MultiSat) dentro do diretório: C:\inetpub\wwwroot

C:\inetpub\wwwroot

  • Após isso abrir o Gerenciador do Serviços de Informações da Internet (IIS)

Gerenciador do Serviços de Informações da Internet (IIS)

  • Dentro do Gerenciador acessar o caminho: Sites → Default Web Site → Nesse menu selecione a pasta criada no passo 2 e clique com o botão direito nela.

Sites → Default Web Site → MultiSat

  • Clique em converter para aplicativo, e na tela seguinte mude os dados caso necessário (caso as configurações da defaultpool já tiver sido feita, não será necessário), e clique em ok.

Adicionando aplicativo

  • Em seguida, selecione o aplicativo criado e, no canto direito da tela, no menu gerenciador de aplicativo, clique em Procurar :80 (http), e você será levado a tela do MultiSAT.

Acessando MultiSat

porModerniza

SPED

Para geração do SPED pelo sistema é preciso realizar algumas configurações para deixá-lo em conformidade.

Primeiramente é necessário configurar o Perfil do SPED, para isso vá até Configs -> Empresas -> Filiais. Na tela de configuração da filial, no campo Perfil SPED, selecionar entre Perfil A, Perfil B ou Perfil C. O Perfil C é específico para empresas contribuintes do Simples Nacional e é o ÚNICO que não precisa de licenças adicionais. Para os outros deve ser adquirido uma licença para utilizar no sistema.
ATENÇÃO: Verificar com a contabilidade em qual perfil a empresa se encaixa.

Perfil do SPED

Após isso vá para as configurações fiscais da filial e preencher TODOS os campos na aba SPED.

Configurações Fiscais SPED

Se for utilizado importação de XML ou gerar o Bloco H, é necessário configurar uma conta contábil. Para isso vá no menu Financeiro -> Plano de Contas, incluir uma conta e preencher também a aba SPED. Essas informações são disponibilizadas pela contabilidade da empresa.

Por fim, no menu Fiscal -> Gerar SPED, abrirá a tela para gerar o SPED. É necessário selecionar a filial, o ano, o mês, escolher o local do arquivo onde será salvo o arquivo do SPED e selecionar qual SPED será gerado. Se optar por gerar o Bloco H é necessário informar também a conta contábil.
Após confirmar será gerado o arquivo na pasta selecionada.

porModerniza

Erro de Logon

 Erro de Logon para o usuário

 

Ao tentar inserir suas informações no sistema para fazer login e for exibida a seguinte mensagem ou semelhante.

Mensagem de Erro

 

Para o gerenciamento de Logons e senhas é necessário ter o SQL Studio Management instalado, se o erro for no modulo administrativo de um terminal, é necessário instalar o SQL Studio somente no servidor, que pode ser baixado neste link.

 

Possíveis causas:

 

1 – Usuário não esta marcado como DB_Owner do banco que está sendo utilizado pelo sistema.

Nesse caso, siga os passos presentes neste manual.

 

2 – Problema de autenticação.

Ao acessar o Sql Studio, serão solicitadas as credenciais de conexão com as instância, a instância padrão do banco do sistema é “MODERNIZA”, e a autenticação pode ser feita pelo Windows, uma vez conectado a instância, navegue até o menu esquerdo, onde há vários diretórios de pastas.

 

Siga até Segurança, em seguida em Logons, e procure pelo nome do Logon mostrado no erro, no nosso exemplo é o Logon “Lojamix”, como na imagem abaixo.

SQL Studio

Dando um duplo clique sobre o nome será exibido uma janela com algumas informações sobre aquele Logon.

Primeiro, confirme o nome e a senha do Logon, usamos como padrão as seguintes credenciais.

Nome do Logon: Lojamix

Senha: l0j4m1x

E demarque o checkbox “impor politica de senha” para evitar que sua senha expire e o problema volte a acontecer. Feito isso, refaça o passo 1 para aplicar o Logon recém corrigido para os bancos do sistema.

 

3 – Modo de autenticação configurado de modo incorreto.

 

O modo de autenticação para a instância deve ser misto, ou seja, pode ser autenticado pelo Windows e pelo próprio SQL através dos Logons.

Para isso, navegue até o menu esquerdo, e clique com o botão direito sobre o nome da instância, e em seguida em propriedades.

 

Na janela que abrir, no menu esquerdo, selecione Segurança, e em seguida marque o modo de autenticação como Windows e SQL.

Propriedades da Instância