porLucas Rufatto

Como emitir nota de importação do exterior e cuidados ao emitir

Como emitir:

O primeiro passo para emitir é acessar o sistema administrativo na tela de emissão de nota avulsa, para chegar nela, o caminho é Fiscal -> emissão de nota avulsa, tal como no print abaixo:

Ao abrir a tela, localize no canto superior direito uma “pastinha azul” e clique nela, ao selecionar, vai ser aberto uma tela, pra que selecionar o XML espelho para emissão. Selecione o mesmo que o sistema irá preencher as informações da nota automaticamente.

Com a nota preenchida, basta clicar em transmitir, que a nota será transmitida com sucesso. Caso retorno algum erro, os possíveis erros serão destacados no tópico abaixo (“Cuidados”).

Cuidados:

Primeiramente precisamos destacar e a maioria das alterações que precisamos fazer no arquivo XML antes de importar no sistema, pode ser feito tanto pelo bloco de notas quanto pelo Notepad, cabe ao usuário definir qual acha mais prático.

Lembrando que o xml “espelho” já deveria conter as alterações informadas abaixo, mas caso for montado de forma incorreta, segue as correções.

Neste manual será destacado pontos que devem ser alterados (caso já não estiverem presentes no arquivo), para que o espelho do xml seja importado no sistema, e a nota de importação seja emitida.

  • O mais comum dos casos é quando não é informado a tag “<CNPJ>” no campo destinado para o destinatário (que no caso é o cnpj do usuário do sistema, ou seja quem vai emitir a nota). Caso estiver incorreto, o sistema retornará que o CNPJ Não está correto de acordo com a filial. Para corrigir precisa abrir o arquivo e preencher entre a tag “<CNPJ>”,
    e vai ficar como o print abaixo:

A esquerda o “Antes”
A direita o “Depois”

  • Outro ponto MUITO importante é que todos os produtos tem que obrigatoriamente estar com o CST 90, caso não estiverem os valores totais da nota vão divergir do espelho deixando ela incorreta. Caso não estiverem solicite a quem criou o espelho que gere ele já com este CST. Porém segue aqui como arrumar de forma manual.
    • Temos duas formas, por dentro do sistema, indo na aba “itens”, editando um por um e trocando as CST para 90 como destacado no print abaixo

    • A segunda forma é editar o arquivo xml pelo Bloco de notas/Notepad trocando as CST informadas para 90
porLucas Rufatto

Migração de Entidades para o Modershop

A migração de entidades(Pessoa Física e Jurídica) para dentro do modershop, é realizada por preenchimento de uma planilha especifica. Para realizar o download da planilha modelo Clique aqui.

O preenchimento é feito no padrão, tal como para o moderniza loja, aonde:

  • os campos em Verde da planilha são 100% obrigatórios para sucesso na importação
  • os em Amarelo são as “Depende” e apenas uma delas deve ser preenchida , por exemplo CPF  e CNPJ depende do preenchimento de se são Pessoa Física ou Jurídica
  • As em Branco não são Obrigatórias

 

Dentro do Modershop, para importa-la, basta ir em Configurações -> Configs -> Geral -> importação de dados, como na imagem abaixo:

Ao acessar o menu de importação de dados esta tela será exibida:

Nela arraste ou selecione o arquivo preenchido e clique em importar.

 

Caso queira importar as entidades do Moderniza loja para o Modershop, clique aqui para realizar o download do script pronto.

porLucas Rufatto

Migração de Produtos para o Modershop

 

Para realizar a migração de produtos para o Modershop, o primeiro passo é Preencher a planilha de importação de produtos, realize o download clicando aqui.

Print da planilha de migração

Muito Importante salientar que a planilha tem que ser exatamente como disponibilizamos, em formato .CSV e com exatamente os mesmos nomes nas colunas.

O preenchimento de todas as colunas é Obrigatório, com exceção  da coluna “codigo_barras”, que depende do produto possuir ou não.

Tendo ela preenchida, podemos ir ao ambiente Modershop, e importa-la, pelo seguinte caminho:

Primeiro acesse o menu configurações do Shop, e no sub-menu “Geral” clique em importação de dados

Ao clicar em importação de dados, será direcionado para a tela de importação aonde terá a opção de arrastar o documento preenchido ou clicar no centro da tela, e navegar nas pastas do computador para selecionar o mesmo

Após selecionar o arquivo e confirmar o mesmo, o sistema vai carregar a planilha que preencheu, e exibir para você as informações(O print abaixo mostra um exemplo)

Após conferir os dados, basta clicar no botão “importar” no canto inferior direito da tela

Após clicar em importar, o processo de migração dos dados se dará inicio.

 

Migrar Produtos do Moderniza Loja Para o Modershop

Para realizar o processo de migração Loja -> Shop, preparamos um script no banco de dados do loja que retorna as informações para preenchimento da planilha, o mesmo pode ser baixado clicando aqui.

Com ele baixado, basta rodar o mesmo no banco Lojamix para extrair as informações de preenchimento da planilha. Caso não saiba como rodar um script temos uma manual que explica o processo, pode acessar ele clicando aqui

Dica: Ao rodar o comando, se clicar no “quadrado branco” no canto superior direto do retorno da consulta, o sql seleciona tudo que ele retornou, restando assim apenas dar um “Control + C” no SQL e um “Control + V” na planilha de migração.

porLucas Rufatto

Como rodar um Script no SQL

Para auxiliar em casos de suporte e migração, quando encaminhamos scripts prontos. O processo para roda-los é o seguinte:

Primeiramente abra o SSMS (SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO) , Caso não tenha ele em seu computador, pode realizar o download clicando aqui.

Ao abrir ele, terá que se conectar na instância do sql aonde se encontra o banco de dados Lojamix, o padrão de instalação do sistema é “.\MODERNIZA”

Ao clicar em conectar ele vai abrir no menu lateral esquerdo, os blocos de informações contidos dentro desta instância, e com isso teremos que encontrar o nosso banco de dados, que fica dentro da pasta “Banco de dados”

Clique com o botão direito no Banco desejado, e em seguida em “Nova consulta”

Ao clicar em nova consulta, ele abrirá a direita, uma tela aonde poderá realizar scripts bem como colar os disponibilizados pelo suporte ou por outros manuais do moderniza conteúdo

Dica:  A tecla de atalho do teclado para rodar o script é o “F5”

 

porLucas Rufatto

Erro ao atualizar Windows 7 – Código 80072EFE

Caso ao atualizar uma maquina Windows 7 e o erro apresentar for o 80072EFE, como na imagem abaixo:

A única forma de conseguir dar continuidade a atualização, é baixando o complemento do pacote Microsoft KB3138612, download disponíveis nos seguintes links:

 

32 bits – clique aqui

64 bits – clique aqui

 

Após a instalação, reinicie a maquina e tente atualizar novamente o windows pelo windows update.

porLucas Rufatto

Rejeição 707: NFC-e para operação interestadual ou com o exterior

Motivo

Quando for emitida uma NFC-e para uma Operação Interestadual (idDest = 2) ou Operação com o Exterior (idDest = 3) será retornado a rejeição “707 – NFC-e para operação interestadual ou com o exterior”.

Regra de validação da Sefaz

Validação Sefaz

 

 

Solução

Neste caso em Operações acobertadas por NFC-e, é permitido apenas que sejam Estaduais (idDest = 1), ou seja, estaduais. Para Operações Interestaduais ou com o Exterior, opte pela emissão de uma NF-e (modelo 55). Para corrigir a NFC-e, deve-se informar a Operação como Estadual.

Para isso a nota deve ter alguns pontos a serem verificados:

  • NOP (CFOP) – iniciada por “5”, exemplo: 510201 (O que indica que é para dentro do estado)
  • Índice de presença caso “Presencial” marca abaixo da seleção da entidade a opção “cliente final”, caso não marcado vai ocorrer a seguinte rejeição.
porLucas Rufatto

Rejeição 716 – NFC-e em operação não destinada a consumidor final

Motivo

Quando for emitida uma NFC-e e a Operação não ocorrer com Consumidor Normal, ou seja, o campo <indFinal> = – “Consumidor Normal”, será retornado a rejeição “716 – NFC-e em operação não destinada a consumidor final”.

Regra de validação da Sefaz

Validação Sefaz

 

 

 

Solução

Isto dentro do sistema ocorre, quando o índice de presença da nota está “operação presencial”(Em verde) e não está marcado “consumidor final”(Em vermelho), como no print abaixo:

 

Emissão de NF

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com isso dito, marque a opção “consumidor final” e a nota será emitida com sucesso.

porLucas Rufatto

Rejeição 486: Não informado o Grupo de Autorização para UF que exige a identificação do Escritório de Contabilidade na Nota Fiscal

Motivo

Quando for emitida uma NF-e e a Sefaz exigir que seja informado no Grupo de Autorização para obter o XML (autXML) a identificação (CNPJ ou CPF) do Escritório de Contabilidade e o grupo em questão não for informado, será retornado a rejeição “486 – Não informado o Grupo de Autorização para UF que exige a identificação do Escritório de Contabilidade na Nota Fiscal”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Exemplo

Ao emitir uma NF-e para a Sefaz BA, é necessário que tenha o Escritório da Contabilidade ou CNPJ da Sefaz BA identificado na NF-e através do Grupo de Autorização.

Regra de validação Sefaz

Validação da Sefaz

 

 

 

Solução

Dentro da tela de emissão de notas, na lateral direito, temos um campo dedicado para informar o cnpj do contador do cliente.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como mostra na própria mensagem de rejeição da Sefaz, caso o cliente não tenha contador, deve-se informar o CNPJ da Sefaz da Bahia.

CNPJ Sefaz Bahia: 13.937.073/0001-58

Tendo o CNPJ do contador ou da SEFAZ em mãos, apenas preencher o campo destacado no print a cima, e clicar em incluir, e emitir a nota!

 

Dica importante

Para não precisar ficar realizando essa operação manualmente em todas as notas, criamos a seguinte maneira de automatizar o processo. Caso dentro do sistema, haver uma entidade cadastrada como “Contador” o sistema já vai vincular automaticamente o CNPJ a nota fiscal. Para isso, mesmo que o CNPJ seja o da Bahia, basta apenas cadastrar a entidade com este campo marcado:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Desta forma o processo ficará automatizado.

porLucas Rufatto

Como migrar via planilha em uma base que já tem cadastros manuais

Quando se preenche uma planilha de importação de dados, com intuito de migra-la em uma base de dados que já tem informações, tem que ser tomados alguns cuidados que vão ser listados a seguir.

Primeiramente temos que entender que no banco de dados do sistema moderniza, algumas tabelas, como a de produtos, entidades e hierarquias, tem uma coluna a mais, chamada “código de importação”, caso você já tenha migrado uma planilha em uma base zerada, já deve conhecer a mesma.

Como no exemplo a cima ( Planilha de migração de entidades ) temos uma coluna para o código de importação e outra para o id do produto, que normalmente são preenchidas com a mesma informação. Porém essa coluna de código de importação só é preenchida no banco se for migrado por planilha, caso os cadastros tenham sido feitos de forma manual por dentro do sistema, essa coluna será inteira preenchida com um valor NULO.

Nosso migrador de dados pega como base para a migração o código de importação e não o ID do cadastro, logo se não temos ele no nosso banco de dados, como fazemos para migrar?

O processo é simples, mas caso não tenha conhecimento em SQL, pode acionar nosso time de suporte para que possamos lhe auxiliar no processo! Primeiramente abrindo o banco de dados pelo SSMS, deveremos rodar os seguintes script’s:

  1. update entidade set codigo_importacao = id_entidade
  2. update produto set codigo_importacao = id_produto
  3. update hierarquia_produto set codigo_importacao = id_hierarquia_produto

Após rodar os scripts a cima, todos os códigos de importação principais do sistema, ficaram igual aos id’s no mesmo, com isso poderá preencher qualquer coluna das planilhas com inicio “ci” com o id localizado dentro do sistema. abaixo um exemplo de coluna para preenchimento desta forma:

 

Recomendamos que sempre que for fazer este tipo de processo, primeiro faça com um backup da base de dados e outra maquina, e nunca primeiramente em um ambiente que está em produção.